Pular para o conteúdo

Retirada de Fralda

“Retirada de Fralda: um momento significativo para a criança, deve ser vivido com cuidado, carinho, respeito e tempo”.

Quando as pessoas, que participam da educação da criança, percebem que a mesma apresenta maturidade (social, emocional e biológica) para a retirada da fralda, algumas atitudes são relevantes para o sucesso desta fase: diálogo, paciência, persistência e compreensão.

Para a criança, este momento significa o quanto ela está crescendo e deixando de ser bebê. O controle fisiológico gera sentimentos que necessitam de atenção para estimular a autonomia da criança. Esta atitude, quando alcançada, gera bastante orgulho e satisfação aos pais.

Pais e educadores perguntam: – Quando retirar fralda?

Geralmente esta fase coincide com o desenvolvimento da fala. À partir de 1 ano e 6 meses, a criança já pode apresentar capacidade de controlar o “xixi”, mas isto requer uma atenção cuidadosa das pessoas que lidam com a criança. É necessário conhecê-la, quais são os seus hábitos, como é a sua família para juntos vivenciarem este momento.

O respeito à individualidade é fundamental. Para algumas crianças este tempo começa antes desta idade e para outras ultrapassam. Sabemos que o controle de esfíncter, durante o dia, é mais fácil e com o tempo o controle da noite será adquirido.

– A época mais indicada para a retirada da fralda é o verão. Antes de iniciar este processo, converse com as pessoas que cuidam do seu filho(a).

ALGUMAS DICAS PODERÃO AUXILIAR PAIS E EDUCADORES:

 Explique para acriança que ela já está crescendo e já conta de usar o peniquinho e vaso;
 Mostre a ela a fralda molhada e explique sobre as assaduras;
 Todas as manhãs, ao retirar a fralda, leve seu filho(a) ao banheiro e incentive-o(a) a usar o vaso ou
penico. Se preferir abra as torneiras, pois o barulho da água caindo pode ajudar.
 Se possível, coloque um banquinho perto do vaso para evitar que as perninhas fiquem balançando;
 O redutor no vaso também ajuda nesse procedimento;
 Limpe as partes íntimas com cuidado, lave quando estiver em casa, mas explique à criança que nem
sempre lavar é possível, depende do ambiente em que a família se encontra.

OBS: Algumas crianças apresentam dificuldade de urinar, porque têm de se lavar. CUIDADO!!! Isto não
pode virar hábito.

 Leve o seu filho(a) a cada 30 minutos ao banheiro, converse, explique, valorize a capacidade da criança;
Você poderá variar o tempo dependendo da quantidade de líquido que a criança bebeu durante o dia;
 Leve em uma sacola: calcinhas e cuecas de reserva. O uso de sandália facilita a retirada da fralda.

ATENÇÃO!

 Em geral, entre 2 e 3 anos, a criança já não usa fralda diurna;
 Lave sempre as mãozinhas da criança após o uso do banheiro;
 Valorize e estimule o uso da calcinha e da cueca;
 Não retire a fralda em momentos de mudança familiar (chegada de bebê, separação de pais);
 Não critique seu filho(a), quando houver escapadas;
 Não crie ansiedade, cada criança tem o seu ritmo próprio.

NESTE PROCESSO DE RETIRADA DE FRALDA, ELOGIE, É IMPORTANTE RESPEITAR A NATUREZA DA CRIANÇA.

Acesse nosso site e fique de olho nas próximas dicas! 

Referências:
Revistas: Pais e Filhos, Criança e Primeira Infância

Texto elaborado por Maria Claret Lamounier Elias
Diretora Pedagógica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *