Nosso Blog

A ambientação do espaço escolar no processo de aprendizagem

Publicado por

Maria Clara Lauar

A ambientação do espaço escolar no processo de aprendizagem

A ambientação do espaço escolar no processo de aprendizagem é o que possibilita a criação de uma rotina rica e provocativa para as crianças. Mas você sabe como realizar a ambientação de modo que faça sentido para elas? Na escola, tudo deve ser feito de acordo com intencionalidades pedagógicas. Por isso, a ambientação pode ser realizada em diferentes contextos, de acordo com a idade de referência de cada turma.

Pense, por exemplo, em um jantar em família. Quando recebemos visitas, preparamos uma bela mesa com muito cuidado e carinho, não é mesmo?! Na ambientação, não é diferente. Assim, o intuito central é contemplar uma prática pedagógica de maneira leve, oferecendo uma disposição de materiais atrativa, que provoque a curiosidade da criança.

Pensando nisso, qualquer proposta pode receber uma ambientação adequada, independente da idade, dos objetivos ou do espaço. Você sabia que o espaço escolar é o terceiro educador no processo de ensino e aprendizagem da criança? Reggio Emilia, Maria Montessori e Loris Malaguzzi são estudiosos que corroboram com essa ideia. Malaguzzi (1984 apud EDWARDS, Carolyn; GANDINI, Lella; FORMAN, George. As cem linguagens da criança: abordagem de Reggio Emilia na educação da primeira infância. Tradução de Deyse Batista. Porto Alegre: Artmed, 1999. p. 157) aponta:

“Valorizamos o espaço devido ao seu poder de organizar, de promover relacionamentos agradáveis entre as pessoas de diferentes idades, de criar um ambiente atraente, de oferecer mudanças, de promover escolhas e atividades, e a seu potencial para iniciar toda a espécie de aprendizagem social, afetiva e cognitiva” ( 1999 p.157).

A ambientação, portanto, deve causar entusiasmo, abrir um mundo de possibilidades e exploração. Ela acontece de maneira livre mas, ao mesmo tempo, guiada pelos estímulos oferecidos durante a preparação do espaço. A seguir, confira 5 dicas de práticas pedagógicas para a sua ambientação!

5 maneiras de realizar a ambientação do espaço escolar

Proposta de pintura

Durante uma proposta de pintura, disponibilize tintas em recipientes diferentes e de cores sortidas. Em seguida, ofereça alguns tipos de riscadores (na foto abaixo, utilizamos uma bola de tênis, mas poderiam ser gravetos, cotonetes, carvão, flores, pedras, pincéis, rolinhos, entre outras possibilidades).

Faz de conta

Na ambientação para faz de conta, disponha arroz colorido (pode ser tingido com anilina ou tintas naturais), panelinhas e colheres, criando um ambiente propício à transposição de itens. Dessa maneira, exercitamos a coordenação, concentração e ampliamos os desafios.

Animais congelados

Para a proposta com animais congelados, você deve congelar brinquedos de animais em balões com água. Para isso, você pode trabalhar com grupos específicos, como répteis, mamíferos, insetos, etc. Depois, basta retirar o balão, preparando o espaço com os “ovos de bichinhos”, bacias e ferramentas, deixando a exploração livre quanto à temperatura, formas e o desafio para pegar os animais.

Concentração com fitas adesivas e bolinhas

A concentração com fitas adesivas e bolinhas é uma brincadeira simples e rápida de montar, que estimulará a concentração, cuidado e o trabalho em equipe. Dentro dessa proposta, podemos trabalhar o colar e o retirar das bolinhas. Ambas promovem um mundo de ganhos com vivências práticas.

Objetos não estruturados

Na ambientação com objetos não estruturados, podemos oferecer diversos materiais, como: caixas, cd’s, potes, tampas e cones. Assim, o objetivo é criar estruturações de acordo com os objetivos pedagógicos necessários.

Na Educação Infantil, cabe aos educadores, portanto, possibilitar à criança uma aprendizagem livre, construtiva e que promova desafios diários para a apropriação de capacidades fundamentais para o seu desenvolvimento.

Luciana Santos
Professora Maternal 1 Tarde
Escola Bilboquê Buritis

 

 

Enviar
1
Precisa de Ajuda?
Olá, quero solicitar mais informações sobre o processo de Matrícula da Escola Bilboquê.