Nosso Blog

O hábito de ler

Publicado por

Maria Clara

A leitura e suas recompensas para a formação social e profissional

A leitura é um recurso ligado ao aprendizado e ao conhecimento, portanto, contribui com o processo de formação pessoal e profissional e traz diversos benefícios para quem adquire o hábito de ler. Por meio da leitura, podemos aprimorar a nossa concentração, a memória, a comunicação e a escrita. O ato da leitura, além de ampliar o repertório e o vocabulário linguístico, favorece a aquisição do conhecimento, levando-nos a viajar pelo universo da imaginação e da criatividade.  A leitura de vários gêneros literários envolve o senso crítico e o raciocínio, melhora a capacidade de interpretação e favorece desempenho linguístico.

O hábito de ler é uma prática de prazer. Para se tornar um leitor, é necessário interesse, motivação e foco. Mas é, reconhecidamente, uma experiência necessária para quem quer engrandecer a formação social e a atuação profissional. Que deseja compreender o mundo que o rodeia e nele se transformar frente ao que lhe é desconhecido. Que pretende ser um fomentador de ideias e de mudanças.

Valorizar a leitura permite que o indivíduo vá além da curiosidade, pois ela produz sentido e significados e faz com que ele possa incorporar as experiências na compreensão do meio em que vive. É uma necessidade para promover a visão acerca dos próprios conceitos e valores.

Os motivos para ler podem estar ligados a razões diversas, porém, o destaque, neste texto, é a leitura como recurso para se obter e atualizar informações, bem como aprofundar conhecimentos com o sentido e a sensibilidade de fazer uma conexão com o mundo exterior e o interior.

Ampliar os horizontes, potencializar a capacidade e a competência profissional também são pontos considerados e que devem ser levados em conta para todos aqueles que almejam acompanhar as transições e as transformações do mercado de trabalho e, principalmente, da vida.

A frase adaptada de Joseph Addison, “a leitura é para o intelecto o que a atividade física é para o corpo” justifica a reflexão e o incentivo para o cultivo do hábito de ler.

Alessandra Saraiva
Coordenadora pedagógica Bilboquê Gutierrez